ENQUETES

Você acha que os políticos, conselheiros e empresários alvos da PF serão condenados?

PUBLICIDADE

Variedades / AGENDA LOTADA
18.05.2017 | 14h47
Tamanho do texto A- A+

Em alta no Brasil, Simone e Simaria recusam convites de trabalho

“A agenda de shows está muito puxada, graças a Deus! Às vezes ficamos sete dias sem pisar em casa", disse Simaria

Reprodução

Clique para ampliar

Dupla faz sucesso no Brasil

FRANCISCO DOS SANTOS
DO TV FOCO

As irmãs Simone e Simaria são um sucesso em todo o Brasil. Por conta disso, é normal que a procura por elas sejam enorme. Porém, com a agenda de shows lotada, as famosas tem recusado alguns dos convites que recebem.

 

“A agenda de shows está muito puxada, graças a Deus! Às vezes ficamos sete dias sem pisar em casa. Eu tenho um filho de um ano e seis meses. Tenho filhos e penso primeiro neles para depois pensar no resto. Não é porque eu não quero participar, por ter problema pessoal com alguém ou porque estou me achando“, esclareceu Simaria para o portal “GShow”.

 

As irmãs disseram que já tiveram as suas brigas e desejos de separação da dupla .

 

“Tivemos que aprender com a vida a respeitar o espaço uma da outra para estarmos juntas esses anos todos. Respirar e entender que ela tem o momento dela e eu tenho o meu. Na adolescência, a gente brigava e ameaçava separar”, disse Simone. “Aqui as duas são sem-vergonha”, acrescentou a morena.

 

Fonte: http://www.otvfoco.com.br/em-alta-no-brasil-simone-e-simaria-recusam-convites-de-trabalho/




Clique aqui e faça seu comentário


0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados