ENQUETES

Você já decidiu em quais candidatos irá votar nestas eleições?

PUBLICIDADE

Política / CHAPA DE MAURO
12.07.2018 | 10h01
Tamanho do texto A- A+

Zeca diz que PSD veio contra sua vontade e defende Sachetti

Deputado sugere candidatura avulsa de Sachetti ao Senado e critica vinda de Carlos Fávaro

Alair Ribeiro/MidiaNews

Clique para ampliar

O presidente do PDT em Mato Grosso, deputado estadual Zeca Viana

DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

O presidente do PDT em Mato Grosso, deputado estadual Zeca Viana, sugeriu que o deputado federal Adilton Sachetti (PRB) tenha uma candidatura avulsa ao Senado dentro do grupo do pré-candidato ao Governo Mauro Mendes (DEM).

 

Isso porque, Mato Grosso irá escolher dois senadores nas eleições deste ano. E, no grupo de Mendes, devem se consolidar como candidatos o ex-governador Jaime Campos (DEM) e o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD).

 

“O Adilton Sachetti é nosso pré-candidato ao Senado. Nós estamos preocupados em como ajustar isso. Conversei com [Otaviano] Pivetta e talvez busquemos uma candidatura avulsa do Sachetti para que ele fique conosco, porque já tem o PSD”, disse Zeca Viana.

 

Já tem o PSD. Vieram meio contra nossa vontade, porque já temos um companheiro, que é o Sachett

“A princípio, a chapa já está formada. Quem faz esses acordos é o DEM, que tem o candidato da majoritária [Mauro Mendes]. Está acordado a princípio isso aí. Mas vamos trabalhar o Adilton, não vamos deixá-lo. Ele é um companheiro, íntegro, sério. Tem seu legado em Mato Grosso e seria muito útil para o Estado no Senado”, afirmou.

 

Fávaro deve ser oficializado no grupo de Mendes nos próximos dias. Segundo Zeca, o PSD veio contra sua vontade.

 

“Já tem o PSD. Vieram meio contra nossa vontade, porque já temos um companheiro, que é o Sachetti. E a chapa majoritária já vem com um candidato ao Governo e ao Senado, aí fica meio difícil”, disse.

 

O vice

 

Apesar de defender Sachetti, o deputado negou que o seu partido possa abrir mão da vice-governadoria para acomodar o parlamentar. A possibilidade foi especulada ao longos desta semana.

 

Por ora, o ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), é o candidato a vice de Mauro.

 

“O PDT tem legitimidade para estar na majoritária, porque representa realmente a oposição deste Governo. Então, é mais do que justo reivindicar e cobrar essa posição. Mas já está acertado e o próprio Mauro faz questão que o vice seja o Otaviano Pivetta”, resumiu.




Clique aqui e faça seu comentário


0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web