Cuiabá, Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
"NO ESCURO"
06.11.2018 | 16h58 Tamanho do texto A- A+

“Só temos informações extraoficiais; é necessário mais interação"

Grupo de Mendes se reúne com equipe de Taques e pede que informações sejam repassadas

Alair Ribeiro/MidiaNews

O vereador Gilberto Figueiredo,que integra a equipe de transição de Mauro Mendes

DOUGLAS TRIELLI E CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

Membro da equipe de transição do governador eleito Mauro Mendes (DEM), o vereador Gilberto Figueiredo (PSB) afirmou que o grupo ainda não recebeu nenhuma informação oficial do Governo Pedro Taques (PSDB).

 

Segundo ele, a equipe de transição está debruçada apenas em informações extraoficiais. E pediu uma maior interação do atual Executivo.

 

Mendes e sua equipe se reuniram no Palácio Paiaguás, na tarde desta terça-feira (06), para conversar com a equipe de Taques.

 

Transição é um processo formal e estabelecido em lei, é necessário que haja registros. Então, as informações não podem ser extraoficiais

“O governador Mauro Mendes dividiu a equipe e atribuiu a todos os coordenadores uma série de ordens a serem analisadas. Agora, nós precisamos de uma maior interação com o Governo do Estado, e por isso essa reunião de alinhamento hoje”, disse.

 

“Neste momento, todas as equipes estão debruçadas em cima de informações extraoficiais. Nós não recebemos nenhuma informação oficial do Governo ainda. Na primeira semana que houve a publicação do decreto, pedimos uma série de informações, em especial as que estão estabelecidas no Tribunal de Contas. Mas até o momento, não chegaram e, portanto, trabalhamos com dados extraoficiais”, afirmou.

 

Figueiredo disse que o grupo vai protocolar uma série de pedidos de outras informações nas diversas pastas em que as equipes já estão trabalhando.

 

“Como a transição é um processo formal e estabelecido em lei, é necessário que haja registros. Então, as informações não podem ser extraoficiais. É preciso ter registros, comprovações, porque, depois, há necessidade de elaboração de um relatório final”, disse.

 

Especulação

 

Questionado sobre a formação do futuro secretariado, Figueiredo disse que tudo que foi veiculado até o momento não passa de “especulação”.

 

Nos bastidores, ele é um dos cotados para assumir a Secretaria de Educação, Pasta que já assumiu na gestão Mendes na Prefeitura de Cuiabá.

 

“Toda especulação a respeito do secretariado é apenas uma especulação. Nenhum dos participantes da equipe de transição tem qualquer compromisso de assumir alguma secretaria ou sequer recebeu convite para isso. O governador eleito estima anunciar seu secretariado no início de dezembro”, afirmou.

 

Sobre a possibilidade de assumir uma Pasta, o vereador disse que, se receber o convite, irá analisar.

 

“Eu não faço esse tipo de ilação. Fui eleito vereador em Cuiabá, assumi o compromisso de defender os interesses e trabalhar pela Educação de Cuiabá e estou tranquilo nessa decisão. Logicamente, minha relação com governador é de longa data. Ele me pediu ajuda, estou me dedicando como tudo que fiz na vida. Mas se o convite vier, vou me debruçar em cima dele no momento oportuno”, completou.




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
2 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

André Correia Soares   06.11.18 22h57
Esse não deu conta da educação do município de Cuiabá, vai dar conta da educação do Estado, abre o olho Mauro Mendes, cuidado para não ficar igual ao Pedro Taques.
10
5
Edson Garcia  06.11.18 20h37
O Gilberto fez uma péssima gestão na secretaria de educação de Cuiabá, não tem preparo para assumir uma grande responsabilidade que é resgatar a qualidade da educação do nosso Estado.
8
4