Cuiabá, Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
"ENTREGAS"
06.07.2018 | 07h39 Tamanho do texto A- A+

“Rejeição de Taques caiu; já está em patamares de reeleição”

Ex-secretário de Estado de Educação acredita que melhora será mais intensa com a campanha na TV

Alair Ribeiro/MidiaNews

O ex-secretário de Estado de Educação, e pré-candidato a deputado federal, Marco Aurélio Marrafon

DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

O ex-secretário de Estado de Educação e pré-candidato a deputado federal, Marco Aurélio Marrafon (PPS), afirmou que a rejeição do governador Pedro Taques (PSDB) caiu de maneira significativa nos últimos meses.

 

Desta forma, ele disse acreditar que o tucano tem viabilidade para a disputa deste ano.

 

"Hoje a rejeição já está em patamares de reeleição. Começava, há uns três meses, em uma média de 40%. Hoje, já está batendo na casa dos 28%. O próprio Voice Pesquisas já identificou isso. Então, é mais mito do que efetivamente a realidade”, afirmou.

 

Na primeira rodada de pesquisas em Mato Grosso, o Instituto Voice Pesquisas identificou Taques como o mais rejeitado pelos eleitores. Um total de 26,2% dos entrevistados disse que não votaria nele de jeito nenhum. Em seguida, está o ex-governador Jaime Campos (DEM), que é rejeitado por 6,7% do eleitorado. A pesquisa foi registrada no TRE-MT.

 

Está caindo muito. Hoje, a rejeição já está em patamares de reeleição. Começava, há uns três meses, em uma média de 40%

Para Marrafon, a queda se deve ao número de entregas de obras e ações que Taques realizou nos últimos meses.

 

“Em um primeiro momento, pesou muito essa ideia de um Governo com dificuldade de entregar. E agora entregou muito. Na hora em que isso ficar bem comunicado, acredito que a população vai refletir e vai entender”, disse.

 

O ex-secretário defendeu que a rejeição deve ser ainda menor assim que o governador estiver no horário eleitoral e mostrar as ações de sua gestão.

 

“Como se explica, por exemplo, de um para oito espaços como o Ganha Tempo? Como se explica de uma Escola Tiradentes para oito? Como se explica de nenhuma escola integral para 40? Onde esteve o Estado esses anos todos?”, questionou.

 

“Ainda existem nós para serem desatados, mas os números são robustos. Na hora em que as pessoas souberem dos feitos, e a maioria ainda não sabe, a gente vai crescer”, completou.

 

Leia também:

 

Taques é o pré-candidato mais rejeitado ao Governo, aponta Voice

 

PSDB: Rejeição caiu e Taques pode se reeleger no 1º turno




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
6 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

WILBER DA SILVA PEREIRA  06.07.18 12h01
O erro do governador foi nao dialogar com o grupo que ajudou a elege-lo e ficar insistindo em uma crise sem fim. Literalmente assinando um atestado de nao saber gerenciar e principalmente sair da crise.
58
15
José Carlos servidor  06.07.18 09h06
Pedro Taques sera reeleito Governador do Estado
56
152
Rocha   06.07.18 08h46
Com esses candidatos e grupos que se apresentam, ainda voto no time do Pedro Taques .
56
163
Fagner Lemos  06.07.18 08h23
pedro taques NUNCA MAIS em nome de JESUS. AMÉM.
176
54
ANA  06.07.18 08h02
duvido...
160
35