ENQUETES

Após a operação da PF, você vai parar de comer carne da Sadia, Perdigão, Friboi e Seara?

PUBLICIDADE

Política / CADEIRA NO TCE
19.03.2017 | 15h15
Tamanho do texto A- A+

Janaina defende consenso e diz que disputa irá criar inimizades

Líder da oposição diz que disputa por cadeira do TCE poderá criar “clima de animosidade”

Marcus Mesquita/MidiaNews

Clique para ampliar

A deputada Janaina Riva, que defende nome de consenso para cadeira do TCE

DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

A deputada Janaina Riva (PMDB) defendeu que os colegas de Parlamento cheguem a um único nome para concorrer à indicação do substituto para a vaga do ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), Humberto Bosaipo, que renunciou ao cargo em 2014.

 

Até o momento, três deputados se colocaram no pleito. O primeiro foi José Domingos Fraga (PSD), seguido de Guilherme Maluf (PSDB) e, por último, Sebastião Rezende (PSC). Todos são membros da base do governador Pedro Taques (PSDB).

 

Para Janaina, uma disputa poderá criar um “clima de animosidade” entre os parlamentares.

 

“Se eles decidirem disputar a vaga, é um direito. Mas vai criar um clima de animosidade forte dentro da Casa. E é isso que os deputados não querem que ocorra. Eu defendo que tenha somente um nome indicado pela casa”, afirmou em conversa com a imprensa, nesta quarta-feira (15).

 

Se eles decidirem disputar a vaga, é um direito. Mas vai criar um clima de animosidade forte dentro da Casa

Segundo ela, grande parte dos deputados acredita que uma disputa poderia expor a Assembleia de forma negativa à sociedade.

 

“Não acredito que teremos dois deputados brigando por conta de uma vaga. Tenho ouvido isso tem todas as reuniões internas. Os deputados não têm interesse que haja uma disputa como esta aqui dentro”, disse.

 

“Porque é muito difícil você optar por um colega seu, sendo que você convive todos os dias com todos. Ainda mais na minha situação, sendo todos os candidatos da base do governo. Eu não tenho compromisso com ninguém”, afirmou.

 

Oposição unida

 

O grupo de oposição deverá se reunir nos próximos dias para definir um nome para ser apoiado.

 

Além de Janaina, fazem parte do grupo os deputados Zeca Viana (PDT), Allan Kardec e Valdir Barranco, ambos do PT. Silvano Amaral e Romoaldo Junior, do PMDB, que têm votado com o grupo de situação, deverão fazer parte do encontro.

 

Segundo Janaina, o grupo de oposição chegou a fechar um acordo, em 2016, para apoiar Sebastião Rezende, em troca de seu voto a favor da então candidatura de Emanuel Pinheiro (PMDB) à presidência da Assembleia. Porém, como o peemedebista desistiu da disputa para concorrer à Prefeitura de Cuiabá, o acordo não está mais em vigência. Entretanto, ela quer priorizar o diálogo com o parlamentar.

 

“Tem um compromisso da oposição com o Sebastião. Mas esse combinado era em relação ao nosso projeto de eleição para a Mesa Diretora, que acabou não existindo. Hoje, inclusive, o Sebastião faz parte do bloco do Governo”, disse.

 

“Então, não está descartado nem o Guilherme. Vou tentar reunir a oposição em torno de um propósito. O voto tem que ter um propósito, um significado. Mas não tem nada definido nessa questão do TCE, tem muita coisa para acontecer”, afirmou.

 

Leia mais sobre o assunto:

 

Deputado diz que não disputa mais eleição e último desejo é o TCE

 

Deputados aprovam PEC que tenta destravar indicação para o TCE

 

Botelho diz que "disputa acirrada" pode trazer desgaste na base

 

Deputado diz não abrir mão de concorrer à vaga de Bosaipo no TCE

 

Assembleia deve buscar duas cadeiras no Tribunal de Contas




Clique aqui e faça seu comentário


3 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Pimenta  20.03.17 19h00
Transparência, Moralidade, Legalidade e Impessoalidade devem ser princípios básicos para essa escolha. Não se esqueçam disso!
1
0
paola   20.03.17 18h04
deputados vamos começar a pensar na sociedade.
2
0
vander  20.03.17 09h41
Será que os Deputados não entenderam ainda que a sociedade exige uma posição Republicana. É necessário a aprovação de um rito que permita o acompanhamento da sociedade. Sociedade que elegeu os Srs. Deputados. O rito proposto pela Associação dos Auditores do TCE, busca favorecer os princípios da Transparência, Moralidade, Legalidade e Impessoalidade. Pense Nisso! Mas pense agora.
4
0

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados