ENQUETES

Você já decidiu em quais candidatos irá votar nestas eleições?

PUBLICIDADE

Política / MUDANÇAS NO PAIAGUÁS
13.03.2018 | 16h55
Tamanho do texto A- A+

Governador define Julio Modesto como novo chefe da Casa Civil

Segundo Max Russi, seu substituto já está definido, mas outras secretarias seguem indefinidas

Alair Ribeiro/MidiaNews

Clique para ampliar

O secretário de Estado de Gestão Julio Modesto, que irá assumir Casa Civil

DOUGLAS TRIELLI E CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O secretário-chefe da Casa Civil, Max Russi (PSB), confirmou na manhã desta terça-feira (13) que o secretário de Gestão, Julio Modesto, será seu substituto na Pasta a partir do dia 20 de março, quando deixará o cargo para retornar à Assembleia Legislativa.

 

Segundo Max, o novo secretário já está em processo de transição para conhecer o andamento da Pasta.

 

“O que está definido é que o secretário Julio Modesto vai assumir a Casa Civil. Ele, inclusive, já está fazendo a transição. Eu retorno para a Assembleia e vou me dedicar à reeleição”, explicou Max em conversa com a imprensa.

 

Está definido que o secretário Julio Modesto vai assumir a Casa Civil. Ele, inclusive, já está fazendo a transição

De acordo com Russi, ainda não há definição para o comando de outras Pastas, como a Secretaria de Cidades (Secid), da qual o secretário Wilson Santos (PSDB) também deve se desvincular.

 

O MidiaNews apurou que os mais cotados para assumir a Secid estão no segundo escalão da pasta: Juliana Ferrari, secretária de Administração Sistêmica; Josemar Araújo, adjunto de Obras da Baixada Cuiabana; e Ernesto Negretti, adjunto de Obras Públicas.

 

“Não tem nada definido nas outras secretarias. As mudanças serão feitas com pessoas que já estão lá. Mas não tem nada fechado. A mais avançada é a Casa Civil, que terá o Modesto”, explicou.

 

Além de Wilson e Max, outros secretários do governador Pedro Taques (PSDB) devem deixar o staff tucano para disputar eleições este ano.

 

Entre os eles, Marco Aurélio Marrafon (Educação), Marcelo Duarte (Sinfra), Kleber Lima (Cultura), Cândido Teles (Intermat) e Suelme Evangelista (Agricultura Familiar).

 

Leia também:

 

WS e Max deixam pastas no dia 20 e descartam liderança na AL




Clique aqui e faça seu comentário


2 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

João Paulo  15.03.18 07h16
ÓTIMA OPORTUNIDADE PARA O GOVERNADOR UNIFICAR AS SECRETARIAS DE PLANEJAMENTO E DE GESTÃO DO ESTADO, NOS MOLDES DE DIVERSOS ESTADOS BRASILEIROS. NESSE CASO SERIA CRIADA A SEPLAG (SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO ) NOS MOLDES DO GOVERNO FEDERAL (MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO E GESTÃO) E TAMBÉM DE OUTROS ESTADOS DA FEDERAÇÃO. FICA A DICA PARA ECONOMIZAR CUSTOS SENHOR GOVERNADOR PEDRO TAQUES ! ABRA O OLHO SENHOR GOVERNADOR, JÁ SE PASSOU 3 ANOS E O SENHOR AINDA NÃO CONSEGUIU FAZER UMA REFORMA ADMINISTRATIVA QUE EFETIVAMENTE REDUZA CUSTOS. LEMBRO AO SENHOR QUE ESSE ANO TEM ELEIÇÃO E O POVO DE MATO GROSSO ESTA DE OLHO !!!
0
1
TUKINHA NETTO DE CUIABÁ-MT  14.03.18 14h23
Um ótimo nome e grande articulador politico. Tem conhecimento,discreto e aceita desafios com resultados positivo aonde passa .
2
0
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web