Cuiabá, Domingo, 16 de Dezembro de 2018
NO MARANHÃO
05.12.2018 | 15h00 Tamanho do texto A- A+

Caminhoneiro de MT é preso após dar apoio em roubo milionário

Belírio Luis Risório teria sido contratado pela quadrilha por R$ 300 mil; três morreram em confronto com a Polícia

Reprodução

Cerca de R$ 45 milhões foram recuperados pela Polícia em Bacabal (MA)

JAD LARANJEIRA
DA REDAÇÃO

Um caminhoneiro de Mato Grosso, identificado como Belírio Luís Risório, foi preso na cidade de Bacabal (MA), após ajudar na fuga de criminosos durante um assalto ao Banco do Brasil naquele município.

 

Segundo a Polícia Civil da cidade, três criminosos morreram durante um confronto com os policiais locais na noite de segunda-feira (3).

 

Belírio teria sido contratado pela quadrilha por R$ 300 mil para resgatá-los e levá-los em segurança para o Estado do Pará.

 

No entanto, o caminhão onde o bando estava acabou interceptado pela Polícia Militar em uma barreira no Município de Santa Luzia do Paruá, na BR-316.

 

Conforme a PM, o caminhoneiro não obedeceu à ordem de parada, furou o bloqueio e ainda teria “jogado” o veículo para cima dos policiais.

 

Houve troca de tiros e três bandidos morreram no local. Outros três suspeitos foram feridos e seis deles foram presos, além de Belírio.

 

Dinheiro apreendido

 

Dentro do veículo, a Polícia encontrou 11 fuzis, duas metralhadoras, 17 coletes, uma pistola, diversas munições e dinheiro armazenado em sacos, em notas de R$ 100. A princípio, a informação é de que o valor apreendido ultrapasse os R$ 45 milhões.

 

A quantia seria levada até um aeroporto no interior do Pará e, em seguida, iria para São Paulo.

 

Há a suspeita de que outro caminhão-baú, também com dinheiro roubado do banco, tenha dado apoio à quadrilha e conseguido sair da cidade, segundo a Polícia Civil do Maranhão.

 

Todos os presos foram classificados como membros da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), com sede em São Paulo. Eles possuíam documentação falsa.

 

Os presos foram encaminhados para a Polícia Civil em São Luís (MA) e, posteriormente, para a Cadeia de Pedrinhas, também na Capital do Maranhão.




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia