ENQUETES

Você já decidiu em quais candidatos irá votar nestas eleições?

PUBLICIDADE

Opinião / ONOFRE RIBEIRO
21.06.2018 | 07h46
Tamanho do texto A- A+

Sucessões empresarial e política

Nestas eleições, raras exceções, estaremos revirando dentro do mesmo velho balaio

Na última sexta-feira participei do evento “Elas no campo”, promovido pela empresa Valure e conduzido pela consultora Lorena Lacerda, a Fundação Dom Cabral e parceiros. O tema não poderia ter sido mais atual: sucessão empresarial e governança dentro do agronegócio envolvendo as mulheres.

 

Na verdade, o tema abrange todos os segmentos empresariais. Lembro que as empresas mato-grossenses são muito novas. A maioria vem da década de 1980 pra cá. Muitas já passaram dos fundadores pros filhos e estes para os netos ou pra executivos.

 

Existe um Mato Grosso muito além dos olhos urbanos, das universidades retrógradas e das avenidas floridas de nossa capital

Confesso que fiquei profundamente surpreso com os depoimentos sobre as experiências de sucessão empresarial no Estado. Gastam-se milhões de reais em consultorias e em experiências pra que a sucessão se dê corretamente. Além do patrimônio e do negócio, estão em jogo valores e princípios dos fundadores que deram identidade aos negócios.

 

Os relatos de executivas de algumas dessas empresas são extremamente lúcidos e revelam um poderoso DNA de negócios fincado em Mato Grosso. Algumas dessas executivas revelaram a longa jornada percorrida e os sofrimentos e expectativas que envolvem uma sucessão nas empresas.

 

Trago o assunto aqui pelo impacto que sofri com tudo o que ouvi no seminário. Existe um Mato Grosso muito além dos olhos urbanos, das universidades retrógradas e das avenidas floridas de nossa capital. Na verdade, são dois Mato Grossos. Um de verdade com visão extrema de negócios, e outro urbano, com olhar mais resumido e de curto prazo.

 

Mas a razão deste artigo além do que já foi dito, é comparar a sucessão extremamente cuidadosa no mundo dos negócios e a sucessão irresponsável que se faz na política. Bom comparar. Uma empresa fatura talvez entre R$ 1 milhão até R$ 5 bilhões ao ano. O governo de Mato Grosso arrecada algo como R$ 25 bilhões e gere todo o conjunto da economia mato-grossense.

 

Aqui reside a equação louca. A sucessão política se faz sem critério algum. Partidos políticos apodrecidos, líderes cheios de mofo, ideias sem rumo na maioria das vezes, são escolhidos pra administrar todo o ambiente da economia do Estado. Deputados dessa mesma origem farão as leis e decidirão temas sobre os quais nunca ouviram falar. Aventureiros sem raízes e sem noção, dirigindo a tudo e a todos. Salvam-se poucas exceções.

 

Nestas eleições complicadíssimas de 2018, raras exceções, estaremos revirando dentro do mesmo velho balaio, velhos homens, velhas mulheres, velhas ideias, velhos métodos para nos dizer a direção do futuro. Enquanto isso, as empresas fazem mais do que o contrário disso!

 

ONOFRE RIBEIRO é jornalista em Mato Grosso

 




Clique aqui e faça seu comentário


2 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Graci Ourives de Miranda  22.06.18 22h26
Votaremos em: NOVOS CANDIDATOS.
0
0
aloísio  21.06.18 17h44
É no mínimo paradoxal. Se de um lado as empresas são seríssimas na escolha de seus mandatários, como explicar o apoio que elas dão a candidatos tão cafajestes, retrógrados, fora do quadrado? Urgentemente, essa seriedade tem que fazer sentido também para a nação como um todo.
6
0

Leia mais notícias sobre Opinião:
Setembro de 2018
21.09.18 07h55 » A doença do século
21.09.18 07h45 » Talento e integridade
21.09.18 07h40 » O dilema da sucessão familiar
21.09.18 07h38 » Educação: carta de um apaixonado
21.09.18 07h35 » Agro sem foco
21.09.18 07h30 » Nem direita, nem esquerda volver
21.09.18 07h25 » O Estado e a religião
20.09.18 08h39 » O desmonte do ensino médio
20.09.18 08h31 » Tanto passado errado
20.09.18 08h20 » Os livros

1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web