ENQUETES

Qual sua expectativa sobre a seleção brasileira nesta Copa?

PUBLICIDADE

Fogo Amigo
13.11.2017 | 09h20
Tamanho do texto A- A+

Praça da Mandioca

Bandidagem toma conta do Centro Histórico

DA REDAÇÃO

A insegurança volta a preocupar moradores e comerciantes da região da Praça da Mandioca, no Centro Histórico de Cuiabá. Os bandidos estão agindo na própria praça, bem como no seu entorno, sem se importarem com a movimentação de pessoas.

 

O caso mais recente foi gravado pelo circuito de monitoramento de um bar: dois bandidos teriam retirado, à força, a arma de um suposto policial, durante uma confusão. O crime ocorreu na madrugada de sexta-feira (10). O curioso é que, na ocasião, havia muita gente no local (veja AQUI).

 

Na noite de quinta-feira (9), na Avenida Mato Grosso, no entorno da Mandioca, câmeras de uma residência flagraram o momento em que um cidadão é rendido por dois ladrões, assim que estacionou seu carro e se dirigia para a praça. O motorista foi feito refém. Mais tarde, a PM conseguiu prender os dois bandidos - um deles usava tornozeleira eletrônica, que estava desligada (leia AQUI).

 

O site já abordou a questão da violência no Centro Histórico de Cuiabá (leia AQUI). Lamentavelmente, nenhuma providência é adotada. Há um posto avançado do 1º Batalhão da PM, na Rua Sete de Setembro (antiga Rua de Baixo), mas, segundo moradores e comerciantes da Praça da Mandioca, o que menos se vê no local é o policiamento. Assim, a bandidagem toma conta da região. Livre, leva, solta e violenta.

 

Veja flagrante de assalto a motorista, na Avenida Mato Grosso: 

 




Leia mais notícias sobre Fogo Amigo:
Junho de 2018
21.06.18 11h43 » “Fake News”
21.06.18 10h20 » Sétima Vara
21.06.18 09h42 » Reconhecimento
20.06.18 21h02 » Delação
20.06.18 17h45 » Futuro político
20.06.18 15h40 » Homenagem
20.06.18 14h50 » Eleições
20.06.18 14h29 » Largou a toga
20.06.18 09h16 » Pontos de ônibus
20.06.18 09h00 » Ameaça no Whats

1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados