ENQUETES

Você é a favor ou contra O FIM do estatuto do desarmamento?

PUBLICIDADE

Fogo Amigo
08.10.2017 | 14h57
Tamanho do texto A- A+

Delação de Nadaf

Sigilo em investigação causa estranheza

DA REDAÇÃO

Pedro Nadaf

O ex-secretário Pedro Nadaf: delação sem andamentos

Os desdobramentos – ou a falta deles – em relação à delação premiada firmada pelo ex-secretário de Estado Pedro Nadaf têm causado estranheza nos bastidores da Política e do Judiciário.

 

Homologada em março pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), a colaboração continua sob sigilo e, até onde se sabe, não gerou nenhuma medida contra os citados.

 

A situação destoa do tratamento dado à delação do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), homologada em agosto pelo mesmo ministro e que poucos dias depois resultou em dezenas de inquéritos, afastamentos, buscas e até prisões.

 

Vale lembrar que, na delação, Nadaf tratou de esquemas tão graves quanto os narrados por Silval. Alguns dos depoimentos, inclusive, tratam dos mesmos fatos.




Leia mais notícias sobre Fogo Amigo:
Outubro de 2017
18.10.17 10h50 » Tabuleiro de 2018
18.10.17 09h30 » Após operação
18.10.17 07h37 » Na contramão
18.10.17 07h00 » Patriota
17.10.17 16h45 » Efeito STJ
17.10.17 12h24 » Clima de otimismo
17.10.17 12h00 » Trabalho escravo
17.10.17 10h51 » Segundo escalão
17.10.17 09h12 » Votação no Senado
17.10.17 08h30 » Escutas no STJ

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados