Cuiabá, Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
Fogo Amigo
12.01.2018 | 15h23 Tamanho do texto A- A+

Auxílio-moradia

Bolsonaro: "Usei a verba para comer gente"

DA REDAÇÃO
Bolsonaro

Jair Bolsonaro, que disse que o apartamento em Brasília era usado para  "fazer sexo"

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, na quinta-feira (11), o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC/RJ), pré-candidato à Presidência da República, defendeu o uso do auxílio-moradia de R$ 4.253,00 pago aos parlamentares, além dos R$ 33.763 de salário.

 

Ele recebe a verba embora tenha imóvel próprio em Brasília. E alegou que usou o dinheiro para “comer gente”.

 

A entrevista ocorreu em frente à sua casa, em Angra dos Reis (RJ), onde foi pego de surpresa. Bolsonaro afirmou que pretende vender seu apartamento em Brasília para usar um apartamento da Câmara dos Deputados e, com isso, deixar de usar o auxílio

 

Ao ser confrontado, o pré-candidato negou ter usado verba do auxílio para financiar um de seus apartamentos e debochou: “Como eu estava solteiro naquela época, esse dinheiro de auxílio-moradia eu usava para comer gente. Tá satisfeita agora ou não?”, respondeu.

 

Bolsonaro disse ainda que aquela era a resposta que a repórter merecia e perguntou se ela queria que ele prestasse “continha”.

 

Leia mais AQUI.

 




Leia mais notícias sobre Fogo Amigo:
Novembro de 2018
16.11.18 17h50 » Novos ares
16.11.18 15h24 » "Já foi preso"
16.11.18 11h42 » "Modernização"
16.11.18 08h48 » Governo Bolsonaro
16.11.18 08h03 » Afastamento e transição
15.11.18 17h55 » Convênio rompido
15.11.18 14h05 » Outdoors nas ruas
15.11.18 11h15 » "Propina em CPIs"
15.11.18 09h20 » Mudança no staff
15.11.18 08h30 » Papelão