Esportes / MERCADO DA BOLA
08.08.2018 | 22h00
Tamanho do texto A- A+

Ausente em treino, Guerrero não deve mais vestir a camisa do Flamengo

O peruano tem um edema na coxa esquerda e não apareceu no Ninho do Urubu para a última atividade antes do duelo diante do Cruzeiro

Reprodução Internet

Clique para ampliar

de O DIA

Com o contrato com o Flamengo prestes a terminar, o centroavante peruano Paolo Guerrero não treinou na tarde desta terça-feira e deve desfalcar o time rubro-negro no confronto de ida das oitavas de final da Copa Libertadores contra o Cruzeiro, nesta quarta, às 21h45, no Maracanã.

 

O peruano tem um edema na coxa esquerda e não apareceu no Ninho do Urubu para a última atividade antes do duelo diante da equipe mineira. Em entrevista coletiva nesta terça, o técnico Maurício Barbieri não cravou a ausência de Guerrero na partida, mas disse que dificilmente ele estará em campo.

"O Guerrero está em fase final de recuperação do edema na coxa. Está sendo reavaliado e isso o coloca numa condição difícil de ir para o jogo. Não estou descartando, mas é difícil", afirmou o treinador, que ressaltou que quer o peruano permaneça no clube. "Sobre a renovação (de contrato), já manifestei o desejo de que ele permaneça, conversei com ele, a direção, mas é algo que foge da minha alçada".

 

Guerrero esteve ausente das últimas duas partidas do time carioca. Devido à punição por doping, ele atuou apenas em sete jogos neste ano e seu ciclo no Flamengo pode estar perto de terminar, já que seu contrato com o clube expira na próxima sexta-feira e a renovação não deve sair, visto que as partes envolvidas não chegaram a um acordo. O Internacional pode ser o destino do centroavante.

 

Sem Guerrero, o jovem Lincoln, o colombiano Uribe e Henrique Dourado (os dois últimos contratados neste ano) brigam para ver quem fica com a vaga no comando de ataque. Dos três, quem mais tem atuado é Uribe, apesar de ter chegado há pouco tempo.

 

Já Dourado, muito criticado pela torcida, foi preterido por Barbieri nas últimas partidas e o garoto Lincoln ganhou moral com o gol que garantiu o empate por 1 a 1 com o Grêmio no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, realizado na semana passada, em Porto Alegre.

 

"Em relação ao Henrique Dourado, é um jogador que nos ajuda bastante e contamos com ele. Já conversei com ele sobre isso. Há uma disputa. Não o utilizamos nos últimos jogos, mas é um jogador que tem nos ajudado e vai nos ajudar ainda mais. Lincoln tem evoluído muito, inclusive foi bem no último jogo.

 

Já o Uribe tem nos ajudado muito, tem excelentes números e ainda está se adaptando ao nosso futebol. São opções que temos", avaliou Barbieri.

 

 

Fonto     https://odia.ig.com.br/esporte/flamengo/2018/08/5564674-ausente-em-treino-guerrero-nao-deve-mais-vestir-a-camisa-do-flamengo.html




Clique aqui e faça seu comentário


0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web