Cuiabá, Sexta-Feira, 18 de Janeiro de 2019
MERCADO DA BOLA
10.01.2019 | 07h30 Tamanho do texto A- A+

Aposta para substituir Neymar, Coutinho amarga o banco no Barcelona

Contratado por R$ 630 milhões, jogador está em baixa no clube e tem seu trabalho questionado

Divulgação

de O DIA

Grande aposta do Barcelona para substituir Neymar, Philippe Coutinho completou um ano de clube em baixa na Espanha. Maior contratação do time catalão e terceira maior da história do futebol (só atrás de Neymar e Mbappé), o brasileiro custou 160 milhões de euros (R$ 630 milhões à época), no entanto, o investimento feito junto ao Liverpool começa a ser questionado pelos torcedores e pela imprensa local.

 

Apresentado no dia 6 de janeiro de 2018, o meia titular da seleção brasileira na Copa do Mundo na Rússia até brilhou nos primeiros meses no clube. Foram 10 gols e seis assistências até o fim da temporada europeia de 2017/2018 e boas atuações nos títulos do Campeonato Espanhol e da Copa do Rei.

 

Já nesta temporada, Coutinho vem perdendo espaço com o técnico Ernesto Valverde. O camisa 7 até foi titular nas primeiras partidas, justamente quando o Barcelona viveu um momento de instabilidade. A saída do brasileiro da equipe titular veio após uma lesão sofrida no dia 6 de novembro, no empate com a Inter de Milão por 1 a 1 pela Liga dos Campeões.

O estiramento no bíceps femoral da coxa esquerda também fez o jogador perder os amistosos da seleção brasileira contra Uruguai e Camarões.

 

Após a recuperação, o meia ficou à disposição em oito partidas. Em três foi titular, em quatro entrou em campo no segundo tempo e em outra sequer saiu do banco de reservas. Os poucos minutos em campo também refletem nos números do craque na temporada 2018/ 2019: São 22 jogos na atual campanha, com apenas cinco gols e quatro assistências.

 

Considerando apenas o mês de dezembro, Coutinho atuou em 159 minutos dos 540 possíveis.

Apesar da situação incômoda, Valverde já disse que conta com sua estrela e que ele terá mais espaço até o fim da temporada. “É um jogador fundamental para a gente, terá muitas partidas e como titular.”

 

Se Coutinho está em um momento difícil, Dembélé ganha espaço. O atacante campeão do Mundo com a França teve seu início de trajetória na Espanha marcado por atrasos e faltas em treinos. Segundo o jornal Marca, o atleta até foi proibido de ir dormir com celular desligado para que os dirigentes pudessem encontrá-lo. A imprensa espanhola afirma que os problemas Dembélé não seriam baladas e sim a dificuldade de acordar após noitadas assistindo a séries e jogando videogame.

 

Após duras broncas e multas, o jovem de 21 anos parece ter amadurecido e hoje forma o trio de ataque ao lado de Lionel Messi e Luis Suárez.

No meio-campo, outra posição que Coutinho atuou, Arthur e Vidal se solidificaram e costumam revezar a vaga ao lados dos titulares absolutos Rakitic e Sergio Busquets.

 

As mudanças na escalação do Barcelona surtiram efeito. A equipe lidera o Campeonato Espanhol, está viva na Copa do Rei e conseguiu se classificar para as oitavas de final da Liga dos Campeões liderando o forte grupo que contava com Tottenham, Inter de Milão e PSV Eindhoven.

 

 

Fonte      https://odia.ig.com.br/esporte/2019/01/5609425-aposta-para-substituir-neymar-coutinho-amarga-o-banco-no-barcelona.html




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia