ENQUETES

Você acha que os políticos, conselheiros e empresários alvos da PF serão condenados?

PUBLICIDADE

Esportes / FUTEBOL POLÊMICO
19.03.2017 | 05h30
Tamanho do texto A- A+

Após a polêmica contratação de Bruno, Boa pode ser obrigado a mudar de cidade

Clube mineiro perdeu diversos patrocinadores e, caso não seja mais apoiado pela Prefeitura de Varginha, pode buscar outra sede

DE O DIA

A contratação de Bruno pelo Boa Esporte parece estar trazendo mais problemas para o clube mineiro. Depois de perder quatro patrocinadores, a equipe pode ter que se mudar de cidade, caso também perca o apoio da Prefeitura de Varginha, sua atual sede.

 

Nesta semana, a Prefeitura divulgou uma nota oficial afirmando que o departamento jurídico estava analisando se o apoio ao clube seria mantido ou não. Pouco depois, o presidente do Boa, Rone Moraes, se posicionou a respeito da nota.

 

Para o dirigente, o Boa Esporte pode tomar outros rumos, caso a Prefeitura encerre o apoio. Além disso, Moraes garante que o clube não sairá no prejuízo, mesmo depois de perder patrocinadores e fornecedor de material esportivo.

 

Com 32 anos, Bruno foi preso em 2010, acusado pelo assassinato de Eliza Samúdio. Em 2013, foi condenado a 22 anos e 3 meses de prisão, por sequestro, homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver.

 

No entanto, o goleiro ainda não foi julgado em segunda instância e, por conta disso, conseguiu um habeas corpus e aguarda decisão sobre o recurso em liberdade, podendo ser preso novamente a qualquer momento.

 

Fonte      http://odia.ig.com.br/esporte/2017-03-18/apos-a-polemica-contratacao-de-bruno-boa-pode-ser-obrigado-a-mudar-de-cidade.html




Clique aqui e faça seu comentário


0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados