ENQUETES

Como você vai gastar seu 13º salário?

PUBLICIDADE

Eleições 2016 / APOSTA EM WS
02.11.2016 | 16h30
Tamanho do texto A- A+

“Taques entrou mais do que deveria na campanha”, diz Antero

Marqueteiro viu vitória contra as “máquinas” do Governo e da Assembleia

Marcus Mesquita/MidiaNews

Clique para ampliar

O marqueteiro Antero Paes de Barros disse que o governador "entrou mais do que deveria na eleição"

CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O ex-senador Antero Paes de Barros, marqueteiro do prefeito eleito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), afirmou que o governador Pedro Taques (PSDB) não deveria ter participado tão ativamente da campanha do candidato derrotado, Wilson Santos (PSDB).

 

Wilson foi uma aposta pessoal de Taques para a disputa ao Palácio Alencastro, após a desistência de Mauro Mendes (PSB) de buscar a reeleição.

 

“Vejo que o governador Pedro Taques entrou mais do que deveria na campanha”, disse Antero.

 

Entre máquina e povo existe a soberania do cidadão

“O Blairo Maggi perdeu duas eleições, alguém falou que o Blairo foi derrotado? Ninguém nem se lembrou disso”, completou, numa referência aos apoios do ex-governador e atual ministro às candidaturas derrotadas de Sérgio Ricardo (PPS), em 2004, e Mauro Mendes (PR), em 2008.

 

Ainda na avaliação de Antero, a eleição de Emanuel representou uma vitória diante do Governo do Estado e da própria Assembleia Legislativa que, segundo o marqueteiro, também apoiava o candidato tucano.

 

“Não foi uma vitória qualquer. Pois veja bem, todo mundo ligava para mim e dizia 'Antero e as máquinas, a máquina do Governo do Estado, a Assembleia Legislativa?'. Essas duas máquinas funcionando, mas entre máquina e o povo existe a soberania do cidadão. O cidadão foi lá e disse 'quero mudança, não aceito mais esse jogo sujo, essa patifaria da campanha eleitoral'”, disse.

 

“A campanha da verdade venceu a campanha da mentira. A campanha da humildade venceu a campanha da arrogância. A campanha das propostas, da campanha limpa venceu o jogo sujo eleitoral. Simples assim”, afirmou.

 

“Diálogo”

 

Para Antero, mesmo com as divergências políticas, Taques e Emanuel terão uma relação amistosa.

 

“Penso que o governador vai tocar o Estado, Emanuel vai tocar a prefeitura. Eles vão ter, obrigatoriamente, que conversar. Não é possível que esse diálogo não aconteça”, disse.

 

“Tenho convicção que isso vai acontecer. Trabalhei na campanha do Pedro Taques, conheço o governador Pedro Taques, sei que ele é um homem de bem”.

 

Leia mais sobre o assunto:

 

Emanuel: “Não vamos frustrar, não vamos decepcionar o povo”

 

Com 60,41% dos votos, Emanuel é eleito prefeito de Cuiabá

 




Clique aqui e faça seu comentário


3 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

João Lemos  03.11.16 11h00
Nas estaduais o casamento PSB/PSDB deve acabar, é possível até se formar um novo bloco PSB, PP, PMDB E PR, tudo que taques não quer. Sendo Mauro mendes (psb) para o gov estadual, blairo (pp) com a reeleição a senador e Wellington Fagundes continua como senador por 4 anos ainda, EMANUEL no meio do mandato de prefeito . O outro grupo continua PSDB/DEM/PSD. Deputados mais provaveis teremos Valtenir e Janaina. Taques deve eleger Paulo Taques e seu Vice Favaro. Como serão dois senadores deve ser eleito um de cada grupo. PSB/PP/PMDB/PR x PSDB/DEM/PSD. Resumindo o estado será governado por esses dois grupos, uma terceira via arriscada para qualquer um. Taques ao restringir o PMDB no palanque ganhou um forte adversário. O PSDB cresceu mas não é invencível, como em Cuiabá em MT tb deve eleger, o PSDB cria coligações, grupos mais enfim manda demais no grupo. PDT e PT devem coligar. Podem eleger um Deputado aqui ou ali... temos que aguardar, os imprevistos mudam o cenario, foi assim qdo Eduardo Campos morreu e agora qdo Mauro Mendes não se candidatou a reeleição.
2
0
Symius Sokrathys   03.11.16 06h40
O cidadão disse: quero mudança, votando no Emanuel ou deixando de ir às urnas?
17
0
jose  02.11.16 23h12
jose, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados