ENQUETES

Você já decidiu em quais candidatos irá votar nestas eleições?

PUBLICIDADE

Eleições 2016 / GARANTIA TUCANA
23.10.2016 | 14h50
Tamanho do texto A- A+

Ministro do PSDB se comprometeu com conclusão do VLT, diz Aécio

Senador esteve em Cuiabá e relacionou candidatura de Wilson Santos com conclusão do modal

Ednilson Aguiar/MidiaNews

Clique para ampliar

O senador e presidente do PSDB, Aécio Neves, que reforçou palanque de Wilson Santos

AIRTON MARQUES
DA REDAÇÃO

O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, afirmou que o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), tem o compromisso com o candidato a prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSDB), a priorizar a ajuda do Governo Federal para a conclusão das Obras do Veículo Leve Sobre Trilho (VLT), na Capital.

 

A declaração do líder tucano foi dada na noite da última quinta-feira (20), em ato de apoio a candidatura de Wilson na Capital.

 

De acordo com Aécio, a vitória do candidato representa a aproximação da Prefeitura de Cuiabá, com o planejamento dos investimentos federais.

 

“Cuiabá não pode ficar tão distanciada dos planejamentos desses investimentos. Inclusive na questão do VLT, que por coincidência, essa área é coordenada por um colega de partido de Wilson, o ministro das Cidades, Bruno Araújo, que tem com ele o compromisso de, ao lado do governador Pedro Taques, resgatar essa obra e enfrentar aquilo que deixaram, irresponsavelmente à céu aberto”, declarou Aécio.

 

O ministro das Cidades, Bruno Araújo, que tem com ele o compromisso de, ao lado do governador Pedro Taques, resgatar essa obra

O senador também destacou sua confiança em que a vitória de Wilson resulte em bons resultados no enfrentamento do Executivo a crise que assola não só o município, mas o Estado e o País.

 

“Além da parceria do Governo do Estado, e experiência, Wilson contará com a mais forte bancada no Congresso Nacional, para que o Governo Federal possa retomar os investimentos aqui em Cuiabá”, disse.

 

“Estou muito confiante. Essa é a eleição dos gestores. A crise é tão grave que não dá para improvisar. Wilson é o nome certo na hora certa”, completou.

 

Cobrança pelo VLT

 

Em agosto deste ano, o ministro Bruno Araújo esteve em Cuiabá, e foi cobrado pelo governador Pedro Taques, recursos do Governo Federal para conclusão das obras do modal de transporte.

 

 A construção já consumiu R$ 1,06 bilhão do Estado e, de acordo com um relatório elaborado pela consultoria KPMG, encomendado pelo Governo, seriam necessários mais R$ 602 milhões para sua conclusão.

 

Na época, Araújo revelou que o presidente Michel Temer (PMDB) havia determinado à Secretaria de Mobilidade Urbana - ligada ao Ministério das Cidades - que faça um estudo para encontrar um meio de concluir a obra.

 

Leia mais:

 

WS tem "experiência" e "parceria" para ser bom prefeito, diz Aécio




Clique aqui e faça seu comentário


5 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Josué Rúbia Viana  23.10.16 21h37
Vocês acham que o povo vai cair nessa mentirada. Choram que não tem dinheiro e dizem que irão concluir o VLT. Mentira atrás de mentira.
3
2
ISACPOVOAS NETO   23.10.16 19h46
Dificil entender o que passa na cabeça de VLT esta parado desde o começo deste mandato, agora na hora que o Emanuel prometeu continuar a obra, até senador candidato aparece dizendo que vai conduzir a conversa, kkkk povo invejoso, kkkkkk Virso vai cuidar da sala de aula, lá você manda ver.
2
0
Paul  23.10.16 18h20
Há tempos venho dizendo que o Sr. Taques não é um executivo. Ele, de forma morota, jogou o VLT no colo da toga. Obra parada é dinheiro no lixo.
2
0
Carlos Nunes  23.10.16 18h09
Puxa vida! Tão desesperados mesmo, a prefeitura não tem dinheiro nem para garantir o passe livre dos estudantes, as pessoas da terceira idade, e das com necessidades especiais, vai mexer com VLT? O Estado não garante nem o repasse para os Poderes, o pagamento do RGA, o dinheiro para a Saúde, a Educação, a Segurança, e setores mais essenciais dos 141 municípios de MT. Aí Aécio vem pra Cuiabá, pra contar estórias, fazer promessas e mais promessas, nem os mineiros acreditam nele, ou acreditam? Se não fosse o Temer (PMDB), depois da Eleição, tirar os nossos direitos adquiridos só para encher o caixa do governo, a gente até podia pensar em votar no Emanuel. Quem é que vai votar em partido que vai tirar nossos direitos...só louco. Estou começando a achar que o procurador Mauro está certo, seria o melhor ANULAR o voto, digitar 00, e confirmar, não votar em ninguém. PMDB porque vai fazer as Medidas que vão ferrar o povo brasileiro e PSDB que vai aprova-las todas...são sócios nisso aí. Quem vai ganhar no final será o Mercado e os Banqueiros.
5
0
Robélio Orbe  23.10.16 15h51
Bravata TUCANA!
1
0
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web