ENQUETES

Na sua opinião, os "Amarelinhos" da Prefeitura de Cuiabá:

PUBLICIDADE

Economia / ABISMO NA ECONOMIA
11.05.2017 | 00h30
Tamanho do texto A- A+

TCU diz que déficit primário poderá ser maior do que o estimado pelo governo

A análise do TCU será encaminhada à área econômica do governo

da ag Brasil

Análise feita pelo Tribunal de Contas da União (TCU) sobre despesas e metas fiscais do Orçamento de 2017 constatou que o déficit primário do governo para este ano poderá chegar a R$ 185 bilhões. O número previsto pelo governo é de R$ 139 bilhões.

 

A Secretaria de Macroavaliação Governamental do tribunal mostrou uma despesa R$ 5,4 bilhões maior do que a projetada pela Lei Orçamentária e uma receita R$ 40,6 milhões menor do que a prevista pelo governo. A análise não leva em conta, no entanto, o corte de R$ 42,1 bilhões que já foi anunciado pelo governo para cumprir a meta de déficit primário.

“Neste momento de tormenta econômica pela qual nosso país atravessa, não há como deixar de mencionar os grandes desafios imediatos a serem enfrentados pelo governo federal na adoção de ações para tratar do grave quadro fiscal que se apresenta, como forma de conduzir o Brasil a superar mais este desafio”, disse o relator do processo, ministro Vital do Rêgo,

A análise do TCU será encaminhada à área econômica do governo para alertar sobre a possibilidade de não cumprimento do resultado primário, que deverá se manifestar em 30 dias.

 

Fonte     http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2017-05/tcu-diz-que-deficit-primario-podera-ser-maior-do-que-o-estimado-pelo-governo




Clique aqui e faça seu comentário


0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados