Cuiabá, Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
SOBREVIVENTE
09.11.2018 | 11h41 Tamanho do texto A- A+

Piloto resgatado na mata é transferido de hospital e vai para UTI

Maicon Semencio Esteves, de 27 anos, ficou desaparecido por quatro dias em mata fechada

Reprodução

Piloto Maicon Semencia (detalhe) resgatado na quarta-feira (7)

CÍNTIA BORGES
DA REDAÇÃO

O piloto Maicon Semencio Esteves, de 27 anos - encontrado vivo quatro dias depois de sofrer um acidente na mata no interior do Estado - foi transferido para um hospital particular no Município de Sorriso (a 420km de Cuiabá), na noite desta quinta-feira (8).

 

O piloto estava internado no Hospital Regional de Peixoto de Azevedo (a 696 km de Cuiabá), que é público, desde o dia em que foi socorrido, na quarta-feira (7), e agora está no Hospital e Maternidade 13 de Maio.

 

Conforme seu irmão Diego Semencio Esteves, o piloto está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital para tratar queimaduras e se recuperar da desidratação e de uma insuficiência renal. 

 

“Ele está se recuperando bem. Do problema dos rins, ele já está legal. Deu uma baixada na creatinina [substância que, quando em altas taxas, indica insufiência renal]. Na segunda-feira, farão a raspagem da mão dele”, contou o irmão ao MidiaNews

 

O irmão conta que a escolha pela transferência foi feita em razão de o hospital particular apresentar estrutura maior. “Aqui tem mais aparato”.

 

O piloto apresentou queimaduras de primeiro e segundo graus no corpo, adquiridas após sair da aeronave em chamas. Os braços foram os mais afetados.

 

De acordo com Diego, o rosto do irmão não foi tão afetado pelas queimaduras. “Ele tem mais picadas de insetos no rosto, mas não precisará fazer raspagem”, disse.

 

O caso

 

Maicon foi encontrado ao lado de um riacho no início da tarde desta quarta-feira (7), em uma região de floresta, em Peixoto de Azevedo.

 

O piloto foi transportado em uma maca improvisada e levado em uma caminhonete para o Hospital Regional da cidade. 

 

A aeronave modelo Neiva EMB-201, matrícula PT-GSH, caiu em uma região de floresta no último fim de semana.

 

Dois lavradores viram a aeronave voar baixo e depois cair. Eles fizeram uma “picada” à procura da aeronave por cerca de 1h30 e encontraram o avião em chamas, mas não localizaram o piloto.

 

Cerca de 30 pessoas - entre elas, parentes, amigos, policias militares - e uma equipe do Corpo de Bombeiro participaram das buscas.

 

Leia mais sobre o assunto:

 

Piloto sobreviveu comendo bolacha e tomando água de riacho

 

Piloto é encontrado vivo quatro dias após acidente em MT; veja

 




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia