Cuiabá, Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
TRANSPORTE PÚBLICO
08.11.2018 | 09h05 Tamanho do texto A- A+

Ônibus ganham novo layout em alusão aos 300 anos de Cuiabá

A frota de 363 ônibus estará circulando pela cidade, com o novo layout, até dezembro de 2019

Reprodução

Prefeito Emanuel Pinheiro apresenta novo layout

DA REDAÇÃO

Reforçando o compromisso com a modernização do sistema do transporte público da Capital, o prefeito Emanuel Pinheiro apresentou, na tarde desta terça-feira (6), o novo layout da frota de ônibus, que atende os mais de 60 milhões de usuários que circulam, por ano, neste cenário. A ação aconteceu no pátio do novo Pronto Socorro, onde o chefe do Executivo montou seu gabinete.

 

A medida foi determinada para as empresas prestadoras do serviço, por meio do Decreto nº 6.833/19, publicado no Diário de Contas que circula nesta quarta-feira (7). O documento prevê que todos os veículos estejam alinhados à padronização de cores e codificação de programação visual - design – até dezembro de 2019, ano em que a cidade celebra os seus 300 anos.

 

“Com isso, melhoramos a parte de identificação das linhas, diminuímos a poluição visual e também embelezamos nossa cidade. Os pequenos detalhes fazem a diferença na nossa gestão. É dessa forma que venho administrando Cuiabá, demostrando todo meu carinho, zelo e amor por esta terra maravilhosa, de gente calorosa e alegre, que, tenho certeza, chegará aos seus 300 anos como uma das melhores capitais para se viver”, externou Pinheiro.

 

A frota ganhará as cores verde e branca, com símbolos tradicionais da cultura cuiabana, além da frase que lembra do famoso calor da cidade e da hospitalidade da população. Alinhado à ação, segundo o secretário de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, o sistema de transporte, em breve, ganhará novos reforços, com veículos e pontos de ônibus climatizados.

 

“A gestão vem trabalhando, sem medir esforços, para adequar o transporte público de Cuiabá a um padrão que atenda, com a máxima qualidade e conforto, o cidadão que depende desse serviço.  Está em andamento um estudo, com o intuito de fazer um levantamento de quais as ferramentas, modelos, entre outras especificações, para a implantação de novos abrigos e também a adequação dos veículos, que devem circular com ar-condicionado” reiterou Antenor.

 

Sistema de transporte público da Capital

 

Hoje, a frota do transporte público de Cuiabá atende 70 linhas. Dessa frota, 20% dos ônibus são climatizados. Neles, circulam, por ano, mais de 60 milhões de usuários que se abrigam nas 2.300 paradas de ônibus, sendo que 780 delas possuem cobertura. Uma das primeiras ações da gestão atual, na busca por melhorias desse sistema, foi a entrega da Estação Alencastro. Inaugurada em janeiro deste ano, a Estação é a primeira movida à energia solar e toda climatizada do estado.  Por dia, passam por ela mais de 25 mil pessoas.

 

“Hoje, a Prefeitura de Cuiabá tem um projeto de modernização do serviço de transporte público. No que diz respeito aos pontos de ônibus, o projeto se iniciou com a inauguração da Estação Alencastro e segue com a proposta de instalar modelos iguais em pontos críticos da cidade, como Ipiranga – área central – e também região do Coxipó e grande CPA.  Além do modelo de Estação, outros locais devem receber abrigos de ônibus -  cerca de 80 pontos, em diversas regiões -, com estrutura de contêineres, semelhante ao modelo instalado na frente do Shopping Pantanal”, completou o secretário.




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
7 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Ivan Santos  09.11.18 07h10
Que vergonha isso, tem que exigir e 100% das frotas com ar condicionado e não com adesivos, não queremos beleza em ônibus e sim conforto pelo preço absurdo que é pago nas passagens, vamos cuidar melhor disso Sr. Prefeito, tenho certeza que nunca entrou em um ônibus em horário de pico, assim o Sr. iria conhecer a verdadeira necessidade da população, não e a adesivagem que vai acabar com o sofrimento, e quem vai pagar esses adesivos, tenho certeza que a passagem já deve ter previsão de aumento né... Faça uma gestão humanizada cuidando da sociedade e tratando como humanos... Quero resposta Sr. Prefeito Emanuel... Cadê o Asfalto que o Sr. prometeu aqui para o bairro Residencial Coxipó desde o início da sua gestão em 2017???
2
1
Daianny Arruda  09.11.18 06h18
É impressionante como o Poder Público continua zombando da cara dos cuiabanos, trocar o layout de ônibus sucateado achando que resolve os problemas. O Cuiabá 300 anos merece melhorias na pavimentação, transporte público de qualidade, segurança pública e revitalização de espaços públçicos e museus.
2
1
Jorge   08.11.18 22h51
Envelopar ônibus velhos sem ar condicionado latas velhas caindo aos pedaços onde em dias de chuva como hj chove mais dentro do que fora. Envelopar pra justificar o aumento de tarifas em troca de um serviço péssimo? Acho que a prefeitura deveria focar mais na qualidade do serviço do que na poluição visual colocando pontos em vários lugares bem iluminados como na Praça Bispo e no ponto seguinte na Prainha onde em dias de sol 16 Hs o povo simplesmente frita procurando uma sombra. Senhor prefeito faz uma obra Boa pra os passageiros sofridos de Cuiaba Queria ver vc e os seus assessores pegar um 340, 308, 107 309 e outras linhas em horários de pico sem ar condicionado. Ae vc vai dizer nossa que calor é esse é soltar aquele palavrão que muitos falam e outros não há que estão resignados pois sabem que nada vai mudar.
2
1
Solange Vieira de Souza Folis   08.11.18 20h51
Por fora bela viola, por dentro pão bolorento. Só maquiagem mesmo.
2
1
Rodrigo Leão  08.11.18 17h54
O Munícipio tem que exigir dessas empresas de ônibus que efetuem a troca da frota que é o que a população necessita. Não adianta enganar nosso povo com ônibus da cidade de Bauru/SP onde lá com certeza eles foram proibidos de trafegar e nossos gestores permitiram a entrada desses ônibus em nossa Capital. A população não merece essa pouca vergonha. Antes de adesivar ou pintar os ônibus em alusão ao 300 anos de Cuiabá... seria melhor "exigir ônibus novos" para comemorarmos realmente os 300 anos com respeito e dignidade a nossa sociedade.
18
3