Cuiabá, Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
PILOTO LOCALIZADO
07.11.2018 | 17h52 Tamanho do texto A- A+

“Nunca perdi a fé; sempre soube que ele iria aparecer”, diz pai

Maicon Esteves desapareceu após a aeronave que pilotava cair em uma região de floresta no sábado (3)

Alair Ribeiro/MídiaNews

O comerciante Martinho Esteves (detalhe), pai do piloto encontrado com vida após quatro dias desaparecido

CÍNTIA BORGES
DA REDAÇÃO

“Eu nunca perdi a fé em encontrar meu filho. Sempre soube que ele iria aparecer”, disse nesta quarta-feira (7) o comerciante Martinho Esteves, pai do piloto Maicon Semencio Esteves, que foi encontrado vivo em uma região de mata fechada, quatro dias após sofrer um acidente aéreo no interior do Estado.

 

O piloto desapareceu no sábado (3), quando a aeronave agrícola que pilotava caiu em uma região de floresta em Peixoto de Azevedo (a 696 km de Cuiabá). Ele foi encontrado na tarde desta quarta em um riacho na região de mata.  

 

Segundo o pai do piloto, que mora no Município de Primeiro de Maio (PR), a angustia e a esperança de encontrar o filho eram grandes, desde as primeiras horas após seu desaparecimento.

 

A notícia de que as buscas haviam terminado com final feliz foi dada pelo proprietário da fazenda em que o avião caiu.

 

“Quando recebi o telefone do fazendeiro, voltei para trás de tanta alegria. Nós estávamos começando a fazer uma oração na minha casa. E gritei: acharam, acharam”, disse ao MidiaNews nesta tarde.

 

Quando eu recebi o telefone do fazendeiro, eu voltei para trás de tanta alegria. Nós estávamos começando a fazer uma oração na minha casa. E gritei: acharam, acharam!

A alegria foi tamanha que fogos de artifício puderam ser ouvidos e vistos em toda a cidade – que possui pouco mais de 11 mil habitantes.

 

“Na mesma hora um vizinho comprou o rojão e começamos a soltar. Depois disso apareceu muita gente em casa, vizinho, amigos...”, contou Murtinho, que é comerciante na cidade paranaense.

 

Ele contou ainda que, durante os quatro dias de buscas, procurou refúgio na religião.

 

“Nós pedimos muito a Deus e a Nossa Senhora Aparecida para que o encontrassem. Nunca perdi a fé em encontrar meu filho, sempre soube que ele iria aparecer”.

 

O pai e a mãe de Maicon não devem vir a Mato Grosso. A esperança é que logo o jovem possa ter alta e voltar para cidade, onde tem uma namorada grávida da primeira filha do casal.

 

“O meu outro filho, meu cunhado e meu sobrinho estão no hospital acompanhando o Maicon. Eu não sei do estado de saúde dele. A única coisa que eu sei é que ele está muito debilitado. Ele ficou cinco dias desaparecido, andou muito, sem comer...”, disse.

 

A reportagem também conversou com o autônomo Marcos Esteves, primo de Maicon, que também estava comerando a localização do piloto. "Graças a Deus, com as nossas orações, ele foi encontrado com vida". 

 

Marcos relatou à reportagem que teve o mesmo sentimento de Martinho e sempre acreditou que Maicon estivesse vivo. "Nunca perdemos a fé. A cidade está em festa. Somos 11 mil habitantes e a cidade inteira está mundo muito feliz".

 

Encontrado em riacho

 

Maicon foi localizado a cerca de 2,2 km do local onde caiu o avião agrícola que pilotava.

 

Ele estava bastante debilitado às margens de um riacho, com queimaduras no rosto e nos braços. "Ele andou muito em círculo", disse uma das pessoas que atuaram no resgate.

 

O piloto foi transportado em uma maca improvisada e levado em uma caminhonete para uma unidade hospitalar de Peixoto de Azevedo.

 

Quatro dias de buscas

 

A aeronave modelo Neiva EMB-201, matrícula PT-GSH, caiu em uma região de floresta do município no último fim de semana.

 

Dois lavradores que trabalhavam na fazenda da região viram a aeronave voar baixo e depois cair. Eles fizeram uma “picada” à procura da aeronave por cerca de 1h30 e encontraram o avião em chamas, mas não localizaram o piloto.

 

Cerca de 30 pessoas - entre elas, parentes, amigos, policias militares - e uma equipe do Corpo de Bombeiro participaram das buscas.

 

No entanto, o trabalho de buscas teve que ser realizado com cautela, pois o local é de mata fechada e possui onças. 

 

As buscas foram intensificadas na segunda-feira (5), quando um grupo de parentes e amigos do piloto se uniu aos oficiais para auxiliar na procura. 

 

Leia mais sobre o assunto:

 

Piloto é encontrado vivo quatro dias após acidente em MT

 

 




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
1 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Erivaldo  08.11.18 07h58
Graças a Deus.... tudo terminou bem!
5
0