ENQUETES

Nessas eleições, você pretende:

PUBLICIDADE

Cotidiano / PRESOS EM SP
12.03.2018 | 17h11
Tamanho do texto A- A+

“A Justiça tarda, mas chega”, afirma pai de personal assassinado

Nilo Campos quer que suposta pivô da morte volte para a cadeia e seja condenada pelo crime

Alair Ribeiro/MidiaNews

Clique para ampliar

Danilo Nascimento de Souza Campos, era filho único do vereador Nilo Campos

THAIZA ASSUNÇÃO
DA REDAÇÃO

Foi com alívio que o vereador de Várzea Grande, Nilo Campos (DEM), disse ter recebido a informação da prisão dos acusados de assassinar seu filho, o personal trainer Danilo Nascimento de Souza Campos, de 28 anos.

 

O crime foi registrado no dia 8 de novembro de 2017, no Bairro Duque de Caxias, em Cuiabá.

 

“É um alívio para mim, para toda a minha família, amigos e um alívio até para a sociedade mato-grossense, porque foi um crime bárbaro, um crime muito violento e cruel. A Justiça tarda, mas chega”, disse o vereador.

 

O empresário Guilherme Dias de Miranda, acusado de ser o mandante do homicídio e Walison Magno de Almeida, suspeito de ser um dos executores, foram presos na sexta-feira (9) dentro de um condomínio residencial em São Paulo. Um terceiro acusado ainda segue foragido.

 

 
 

É um alívio para mim, para toda a minha família, amigos e um alívio até para a sociedade mato-grossense, porque foi um crime bárbaro, um crime bastante violento, cruel. A Justiça tarda, mas chega

“Eles têm que ser julgados e condenados para que realmente paguem pelo que fizeram. Quero parabenizar a Polícia Civil”, disse.

 

Para que a justiça seja completa, o vereador disse que também espera ver presa e condenada, a esposa de Guilherme, Ane Lise Hovoruski, de 29 anos, suspeita de ser pivô da morte do personal.

 

Ela, que foi aluna na academia em que o personal trabalhava, teve o mandado de prisão temporária (30 dias) cumprido no dia 20, na cidade de Foz do Iguaçu (PR). Mas foi liberada dias depois.

 

“Eu acho que foi uma estratégia [ela ser solta] para chegar ao mandante, porque ele é muito esperto, é um bandido, mas agora temos que buscá-la. Ela também tem que pagar”, disse.

 

Nada, porém, vai mudar a dor de não ter mais o filho por perto, diz Nilo Campos .

 

“Nada vai trazer de volta meu filho amado. A saudade é imensa, cada dia aumenta mais, principalmente vendo a captura desses crápulas, o que aumenta mais essa dor, essa saudade dele. Ele era muito amado”, pontuou.

 

O crime

 

O corpo do personal foi encontrado caído ao lado do carro, na Rua General Ramiro de Noronha. Testemunhas informaram que a vítima estacionou o carro e, ao descer, foi atingida por tiros efetuados pelo garupa de uma motocicleta, que posteriormente seguiu em direção à Avenida Miguel Sutil.

 

De acordo com as investigações da Delegacia de Homícidios e Proteção à Pessoa (DHPP), Guilherme Miranda acompanhou a execução da vítima de dentro do próprio carro, um Honda Civic preto.

 

As investigações também apontaram que Ane Lise, usando um número telefônico habilitado naquela semana, ligou para a vítima, marcando um encontro no local do crime.

 

Leia mais: 

 

Polícia de SP prende acusados de assassinar personal trainer

 

Suspeita marcou encontro com personal no local do assassinato




Clique aqui e faça seu comentário


2 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

silva  13.03.18 08h10
silva, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas
dany  12.03.18 17h41
dany, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados