ENQUETES

Qual a principal característica de um candidato ao Governo?

PUBLICIDADE

Cotidiano / A SEMANA EM COTIDIANO
25.05.2014 | 09h15
Tamanho do texto A- A+

Operação da PF atinge "nata" da política em Mato Grosso

José Riva e Eder Moraes foram presos; transporte parou 100%

Tony Ribeiro/MidiaNews

Clique para ampliar

Eder Moraes: ex-secretário de Fazenda do Estado no momento em que saía da PF para ser recambiado ao DF

ISA SOUSA
DA REDAÇÃO
A semana em Cotidiano foi marcada pela deflagração da quinta fase da Operação Ararath, da Polícia Federal, na terça-feira (20).

Durante a ação, diversos nomes foram citados, como do governador Silval Barbosa (PMDB) e do senador Blairo Maggi (PR), e o deputado estadual José Riva (PSD) e o ex-secretário de Estado de Fazenda Eder Moraes foram presos.
O parlamentar conseguiu a liberdade na manhã da última sexta-feira (23).

No mesmo dia, teve início a greve dos motoristas do transporte público da Capital e Várzea Grande. Quem saiu pela manhã, não encontrou um coletivo: 100% da frota parou.

A regularização só foi possível após um acordo, com intervenção da Prefeitura de Cuiabá, no sábado (24) pela manhã.

Confira o resumo dos fatos que marcaram o cenário em cotidiano na semana que passou:

Operação Ararath


Ministro Toffoli foi o responsável por prisões de Riva e Eder

Na manhã de terça-feira (20), a Polícia Federal cumpriu 70 mandados de busca e apreensão e mais dois de prisão contra o deputado estadual José Riva (PSD) e o ex-secretário de Estado de Fazenda Eder Moraes.

A decisão foi do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli. Leia AQUI.

Os dois foram levados para o Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, acusados de suposto envolvimento em esquema de lavagem de dinheiro. A ação fez parte da fase cinco da Operação Ararath. Leia mais AQUI.

Locais como a residência do governador Silval Barbosa (PMDB), o gabinete e a casa do prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB), a Assembleia Legislativa e o Tribunal de Contas do Estado foram alvos da PF.

Durante a semana, o MidiaNews divulgou novas informações e o suposto envolvimento de outras pessoas, como do ex-prefeito da Capital, Chico Galindo (PTB). Leia AQUI.

O caso teve repercussão na mídia nacional. Leia mais AQUI.

No fim da semana, Riva conseguiu a liberdade. A decisão também foi de Toffoli, que argumentou ter sido conduzido ao erro. Leia mais AQUI.

Leia mais:

Precatório de R$ 19 milhões: Escritório de advocacia teria sido usado para "lavagem"

PF apreendeu nota promissória no valor de R$ 40 milhões na casa de Eder


Alvo da PF diz que pagou R$ 1,4 milhão a Chico Galindo

Ministro do STF negou busca na Amaggi e gabinete de Silval

Juiz cita indícios de "parceria" de Eder e Júnior Mendonça

Silval paga fiança por arma de fogo e é liberado pela PF

Bosaipo e Alencar Soares também foram alvos de buscas

Detidos, PF leva Eder e Riva para Brasília; veja fostos e vídeo

Ministro do STF cita "caderno espiral" de Silval Barbosa

Silval e Mendes teriam recebido R$ 8 milhões para campanhas

Empréstimo de R$ 3,4 milhões e contrato motivaram busca

Suspeito, gerente do Bic Banco está preso em Cuiabá

Maggi teria avaliado R$ 4 milhões para vaga de Ricardo

Palácio do Planalto avalia que ação contra Silval é "retaliação"

PF prende Eder e Riva e realiza buscas na Assembleia

PF investiga suposta "compra" de vaga no Tribunal de Contas

Ministro ordenou prisão de deputado e ex-secretário em MT

Ministério Público Estadual também seria alvo de operação da PF

Promotor do Gaeco foi alvo da PF; MPE emite nota

Maggi é investigado pelo STF por suposta lavagem de dinheiro

Eder fala com promotor do Gaeco durante busca da PF

Investigado diz que Silval pediu R$ 7 milhões emprestado

Promotor acusa "movimento velado" de policiais para "atingir MP"

Pedido de revogação de prisão de Riva está no MPF

Escritório de advocacia teria sido usado para "lavagem"

Greve dos ônibus

Tony Ribeiro/MidiaNews

Usuários foram pegos de surpresa: 100% da frota não circulou na terça de manhã e na sexta a tarde

Também na terça-feira (20) os motoristas e cobradores da Capital e Várzea Grande entraram em greve. Leia mais AQUI.

A categoria exigia reajuste salarial de 7,15%, ticket alimentação de R$ 400, aumento no abono, filtro solar e uniforme. Sem negociação, a categoria parou em 100% durante a semana e ameaçou demissão coletiva. Leia AQUI.

Um acordo só foi firmado após ameaça da categoria de parar no fim de semana e também na próxima segunda-feira (26). Leia AQUI.

Houve intervenção da Prefeitura e, empresários e motoristas, chegaram a um acordo. Leia AQUI.

Processo disciplinar

Mais uma vez, o ex-delegado Arnaldo Agostinho Sottani teve o pedido de revisão de sua demissão negado.

A decisão foi assinada (16) pelo governador Silval Barbosa (PMDB) e publicada no Diário Oficial do Estado.

Sottani foi demitido da corporação em agosto de 2013, após procedimento administrativo disciplinar provar o envolvimento do policial com roubo de gado em Mato Grosso. Leia mais AQUI.

Operação Abadom

O juiz Luis Aparecido Bortolussi Júnior, da 17ª Vara Especializada em Ação Civil Pública e Ação Popular de Cuiabá, ordenou, em caráter liminar, o afastamento imediato do delegado da Polícia Civil, João Bosco Ribeiro de Barros, da investigadora Gláucia Moura Alt e de outros quatro investigadores dos cargos públicos que ocupam.

O grupo foi alvo da “Operação Abadom”, deflagrada em junho do ano passado pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), e é acusado de enriquecimento ilícito por meio de favorecimento e extorsão de quadrilhas de entorpecentes. Leia mais AQUI.

Tony Ribeiro/MidiaNews

Trincheira do Verdão: única que pode ficar pronta para o Mundial

Copa do Mundo

Das três trincheiras em construção na Avenida Miguel Sutil, apenas uma tem chances de ser completamente concluída até o início da Copa do Mundo na Capital, ainda que apresente uma “aparência muito ruim” e “falhas construtivas”: a Trincheira do Verdão.

A avaliação, feita pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), na semana passada, consta no último relatório divulgado pela instituição, onde também é apontado a impossibilidade de conclusão das duas marginais da Trincheira Santa Rosa – por se tratar de algo “arriscado” – e da pista inferior da Trincheira da Jurumirim. Leia mais AQUI.

Território da Fifa

Restando menos de 20 dias para o início da Copa do Mundo, os moradores e comerciantes da Capital devem atentar para o cumprimento da Lei Geral da Copa, que entrou em vigor em Mato Grosso em janeiro de 2013 e em todo o país em 2012.

Edson Rodrigues/Secopa

Lei passa a valer e Arena Pantanal agora é território da Fifa

Os efeitos, no entanto, só poderão ser sentidos realmente às vésperas e durante a realização da Copa do Mundo em Cuiabá, nos meses de junho e julho próximos.

Na última quarta-feira (21), a Federação Internacional de Futebol (Fifa) assumiu a operacionalização da Arena Pantanal, na Capital, bem como deu início à preparação do estádio para o torneio mundial de futebol, como a restrição do uso dos 32 hectares do Complexo Multiuso – inclusive, com cercamento de todo o perímetro. Leia AQUI.

Juiz alcoolizado

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso afastou do cargo, nesta segunda-feira (10), o juiz substituto Ariel Rocha Soares, da cidade de Tabaporã (643 km ao Norte de Cuiabá). Os desembargadores do pleno tomaram a decisão de forma unânime.

O magistrado também responderá a um Processo Administrativo Disciplinar (PAD), sob a acusação de trabalhar sob o efeito de bebida alcoólica e uso de entorpecentes. Leia mais AQUI.



Clique aqui e faça seu comentário


2 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Hélio Silva  25.05.14 11h27
Viva Mato Grosso! Viva Cuiabá!Cidade escura com cheiro de desonestidade faz o povo chorar, pois é tantas as ladroagem lá no alto, que faz o povo penar. Na memória desse povo só sobra recordação, Dom Aquino Correa, interventor Julio Muller e Marechal Rondon, que se levantasse dos seus túmulos instalava o progresso a ordem e educação sem ter corrupção. Mato Grosso perdeu a identidade de ter grandes homens para a história de uma nação.
2
0
Julio Muzzi  25.05.14 10h30
Quando se refere a "Nata" certamente quis dizer os melhores; imagina como atuam os piores?
1
0

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

1999-2017 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados